Problemas de Saúde

Pessoas que precisam de atenção especial durante o vôo ou que devem viajar de maca só podem embarcar se estiverem acompanhados por um médico ou enfermeiro. A companhia aérea deve ser avisada com antecedência sobre a necessidade de macas, ambulâncias, cadeiras de rodas e atendimento especial.

Em casos de problemas de saúde que possam ser agravados durante o vôo ou de doenças contagiosas, o viajante tem de passar pelo setor médico da companhia, que determinará a viabilidade da viagem assim como também passageiros em condições pós-cirúrgica.

Maca:

Será cobrado o valor das poltronas utilizadas, multiplicando pelo valor da tarifa normal do trecho a ser voado pelo enfermo, com ou sem acompanhante. Sua franquia de bagagem será calculada em função do número de lugares pagos.

A cobrança dessa importância será efetuada mediante a emissão de passagem única, com o valor total das poltronas bloqueadas.

O bilhete do acompanhante será emitido na condição de conjugado com o bilhete que cobre o transporte do enfermo, deixando-se em branco o campo de tarifas, porém cobrando a taxa de embarque.

Qualquer pedido de maca somente poderá ser encaminhado mediante apresentação do atestado médico para vôos domésticos e internacionais o PASS-23 MEDIF.

A reserva só poderá ser feita diretamente na cia aérea, e também verificar se alguma Cia Aérea pode ter um procedimento de cobrança de tarifa diferenciado.

Sempre verificar com a cia aérea a possibilidade.